Monthly Archive: January 2017

Um Gancho de Direita e Uma Esperança Conta o Zica Vírus

Assim como em uma luta de boxe, eis que surge um forte golpe que promete virar este jogo contra o Zica vírus! Foi a descoberta de um possível tratamento com um medicamento já disponível no mercado e inclusive com a liberação da ANVISA no Brasil, o que facilita o desenvolvimento da pesquisa.

Este vírus, teve origem na floresta Zica perto da capital da república da Uganda, isolado pela primeira vez em meados de 1947, e tem como seu vetor o mosquito Aedes aegypti, o mesmo que transmite os vírus da dengue, chikungunya e febre amarela, pois são vírus do gênero Flavivirus.

Aqui o vírus ficou conhecido de 2015 na Bahia, onde houveram os primeiros e inúmeros casos de uma doença viral desconhecida (pelo menos por aqui) todos com os mesmos sintomas: Manchas no corpo, febre baixa, conjuntivite e dores pelo corpo. Constatado que se tratava do vírus da Zica, não se sabia naquele momento as conseqüências que este surto que se estendeu principalmente pelos estados do nordeste traria para a população.

Surpreendentemente, também em 2015 os casos de nascidos com malformação congênita aumentaram, chamando a atenção da comunidade médica e cientifica. Crianças diagnosticadas com microcefalia, no mesmo ano em que o surto de Zica apareceu no Brasil. Uma geração de crianças microcefálicas, filhos de mulheres que haviam tido o diagnóstico de infecção pelo vírus Zica, agora é uma questão imprescindível descobrir uma forma de parar este vírus.

Anteriormente o foco era em descobrir drogas ou vacinas para prevenir a infecção pelo vírus, no entanto a previsão era de três anos de pesquisas, com o novo enfoque do pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz, Thiago Moreno, especialista em antivirais, o prazo reduz, pois segundo ele os testes em laboratório já foram realizados e comprovaram a eficácia deste medicamento foi comprovada.

Trata-se da droga sofosbuvir que atualmente é utilizada contra o vírus da hepatite C, Thiago percebeu a semelhança entre os vírus, pois os dois têm uma enzima chamada RNA polimerase, que ajuda a multiplicar o vírus, o medicamento age nesta mesma enzima, ou seja, se serve para acabar o vírus da hepatite C, cuidará de exterminar o Zica vírus!

A pesquisa em laboratório teve tanto sucesso que foi publicada esta semana na revista Scientific Reports (revista inglesa), pois mostrou que das seis células infectadas pelo vírus, em cinco o remédio bloqueou a multiplicação do vírus, eliminando ele e a doença, conforme anunciado em telejornais (confira aqui).

Finalmente, depois de uma luta aparentemente desonesta, onde perdemos os primeiros rounds, com muito sofrimento, vendo inúmeras crianças nascendo com limitações neurológicas, famílias sendo afetadas diretamente, eis que surge uma luz, uma esperança, para que não haja próximas gerações microcefálicas. Segundo o pesquisador, até o segundo semestre deste ano espera-se terminar os ensaios em animais de laboratório, e em 2018 iniciar os trabalhos com seres humanos. Até lá teremos que lutar com as armas já conhecidas, a luta contra o mosquito Aedes aegypti e o cuidado para não haver infecções em gestantes com uso de repelentes.

 

Brasil ainda carece de bom sistema de WiFi público

Vivemos hoje em dia em um mundo cada vez mais conectado, que depende da Internet para praticamente tudo, desde acesso a vídeos até jogos online. Uma das soluções que vários países adotaram é o sistema de WiFi tanto pago quanto público, mas como será que o Brasil tem se comportado em relação a isso nos últimos anos?

Uma pesquisa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostrou que a oferta desse tipo de serviço em cada município vem aumentando ao longo dos anos, sendo o aumento de 83,2% em 2016.

Mesmo sendo distribuídos em praças, cafés, metrôs e até em shoppings, este serviço tem pouco espaço no cenário atual do País. Com uma internet caríssima e uma baixa média de velocidade em todo o território, o país ainda apresentou um índice de apenas 26,2% de cidades que oferecem esse tipo de conexão, diferente de países como a Finlândia por exemplo que quer garantir acesso gratuito de pelo menos 1Mbps para todos os seus habitantes.

Dentre os estados que apresentam mais municípios com pontos de acesso tanto gratuitos quanto pagos disponíveis, São Paulo esta em primeiro lugar com 207, seguido de Minas Gerais com 155 e Rio Grande do Sul com 116. Em contra partida há lugares como Acre com 2 cidades apenas e Roraima com 7.

Serviço de WiFi público

Ainda há os lugares onde disponibilizam WiFi gratuito, em praças por exemplo, que dão maior conforto a população que depende de serviços online. Porém o número de municípios com cobertura total desse serviço é muito pequeno sendo 79 dos 5570 municípios brasileiros. Outros até possuem o sistema, um total de 1457 municípios, porém em pontos específicos e não em seu território por inteiro, uma informação bastante relevante é que os municípios com maior cobertura normalmente são pequenos, com população que pouco supera os 5000 habitantes. Ainda há estados que não possuem WiFi público nem serviço similar, como é o caso de Santa Catarina, Minas Gerais, Paraná, Roraima, dentre outros.

A grande vantagem deste tipo de serviço é a maior comodidade para a população quando longe de seus respectivos pontos de acesso particulares. Além de, no caso de redes abertas de comércios, garantir ao cliente acesso para pesquisas, preenchimentos de formulários online e até mesmo lazer, sem que o mesmo gaste seus dados móveis.

Veja uma lista sobre as 10 cidades com melhor sistema de WiFi aberto do mundo, acesse o link a seguir: 10 Cidades com melhor WiFi

 

Eduardo Sirotsky Melzer, um empresário de sucesso, um líder apaixonado por gestão pessoal

Considerado um dos empresários de maior sucesso e influência da atualidade, Eduardo Sirotsky Melzer tem se tornado personagem de destaque no meio publicitário, vindo de família tradicionalmente empreendedora é presidente e chairman do Grupo RBS, grupo de mídia publicitária que abrange os Estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, é também chairman e fundador da e.Bricks, empresa de investimentos no setor digital com atuação no Brasil e nos Estados Unidos.

Formado em administração de empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PURRS), possui MBA pela universidade de Harvard, começou sua carreira nos Estados Unidos como analista financeiro sênior da Delphi e diretor-geral da empresa de mídia não-tradicional BoxTop Media. EM 2012 assumiu a presidência executiva do Grupo e em 2016 passou a acumular a presidência do Conselho de Administração e do Grupo.

Na gestão de Eduardo Sirotsky Melzer, o Grupo foi eleito como uma das três empresas de mídia e internet no País que mais geraram valor para seus públicos em 2014. A companhia também apareceu entre as 10 empresas mais inovadoras do Brasil em pesquisa organizada pela revista Info, da editora Abril.

Eduardo Sirotsky Melzer atribui seu sucesso e crescimento à gestão pessoal, apaixonado por pessoas afirma que seus colaboradores são seu maior legado, não poupa esforços e busca sempre adotar políticas de valorização pessoal e qualificação profissional, para ele é papel do gestor manter a equipe unida, engajada e estimular o grupo para o crescimento, o gestor deve exercer o papel de líder e não de chefe, o empresário participa ativamente de organizações e programas de qualificação profissional, é palestrante em fóruns nacionais e internacionais.

O talento e notoriedade de Eduardo Sirotsky Melzer tem lhe rendido reconhecimento e renome, ao longo de sua carreira tem acumulado prêmios e nomeações entre eles destacam-se:

Prêmio Caboré 2006 na categoria Profissional de Veículo

Destaque Profissional 2009 da Associação Brasileira de Propaganda (ABP) na categoria Executivo de veículo

Prêmio Coletiva.Net 2011 na categoria Gestão de Marketing/Comunicação/Grupo de Comunicação

Prêmio Empresário de Comunicação do Ano 2013 da Semana ARP de Comunicação

Prêmio Empreendedor do Ano 2015 (Ernst e Young) na categoria Family Business

Destaque na lista de líderes do Cambridge Institute for Family Enterprise (CFEG) de 2015

Prêmio Mérito em Administração no setor Privado em 2015

Membro do Conselho Nacional de Auto-Regulamentação Publicitária (Conar)

Membro do Conselho Executivo das Normas-Padrão (CENP)

Membro do Conselho da Bienal do Mercosul

Membro do Conselho da Fundação Iberê Camargo

 

Uma forte influência para Eduardo Sirotsky Melzer é John Davis, professor de Harvard e especialista em negócios familiares, um dos consultores mais requisitados do mundo, hoje, na área. As regras de excelência em governança ditadas por Davis deram certo, com a ajuda do professor e esforço e dedicação da família, tornou-se um dos maiores e mais importantes grupos de comunicação do país.Ele destaca ainda dois influentes pensadores no mundo empreendedor, aos quais faz consultorias periódicas: Jim Collins e Ram Charan. O empresário acredita no sucesso das empresas familiares com gestão profissional.

 

Bárbara Evans estreia como atriz na minissérie Dois Irmãos

Contracenando com o galã Cauã Reymond, a filha de Monique Evans estreia como atris na minissérie Dois Irmãos, livre adaptação da obra homônima de Milton Hatoum lançada pela Editora Companhia das Letras em 2000.

Livremente adaptada para a televisão por Maria Camargo e brilhantemente dirigida pelo diretor Luis Fernando Carvalho, que adaptou clássicos da literatura brasileira para o cinema (Lavoura Arcaica, de Raduan Nasser, que recebeu o Prêmio Camões em 2016, a maior honraria para um escritor de língua portuguesa) e para a televisão, como o eterno cânone Dom Casmurro (intitulado de “Capitu”, e escrito por Euclydes Marinho, roteirista de “Se eu fosse você 2” e autores de minisséries emblemáticas como “O brado retumbante”, “Felizes para sempre”)e A pedra do Reino (do paraibano ariano Suassuna, morto em 2014). Também dirigiu as novelas “Meu pedacinho de chão” e “Velho Chico”, ambas de Benedito Rui Barbosa, seu velho parceiro de longas datas.

Bárbara Evans interpreta na minissérie de 10 capítulos a personagem Lívia, que na infância foi pivô de um briga entre os gêmeos amazonenses Yakub e Omar, em que Omar rasga o rosto do irmão Yakub com uma garrafa de vidro quebrada, ao vê-lo beijando Lívia, numa sessão de cinema promovida na casa da vizinha Estelita, interpretada maravilhosamente por Maria Fernanda Cândido, quando tinham treze anos.

Bárbara entra em cena no capítulo 4, em que Lívia, já adulta, volta a casa de Zana e Halim pais dos gêmeos, para relacionar-se com Yakub.

Nesse reencontro Bárbara protagoniza cenas de sexo selvagem com o galã Reymond, em que tem os seios expostos quando o casal decide fazer amor ao ar livre, no vasto quintal da casa dos pais de Yakub.

Lívia e Yakub se casam, o gêmeo prospera como engenheiro em São Paulo. Chamaram atenção dos internautas brasileiros o escasso texto de Bárbara, em sua primeira aparição no quarto capítulo: “Licença” e gemidos, foram também tuítes de alguns comentaristas virtuais da peça dramatúrgica, que realçaram a baixa carga textual reservada a Bárbara, chamando-a de “muda”.

O estilo teatral e poético de Luis Fernando Carvalho e a magnífica interpretação do elenco completo dão a tônica a adaptação da obra de Hatoum vencedora do Prêmio Jabuti, na categoria romance, em 2001. Uma fotografia amarela, capaz de encarnar o passado no qual se passa a história e o calor da Região Norte em que é ambientada (Manus, Amazonas); os cortes com belíssimas imagens da Selva Amazônica colaboram para fazer de Dois Irmãos um marco na Televisão brasileira, e talvez a melhor produção televisiva de 2017.

 

 

 

Passeando na Cidade Luz

Ir pra Paris está entre os sonhos de consumo de muita gente.

A cidade, que é capital da França, é a mais populosa do país. Conhecida por sua beleza européia exuberante, o destino garante uma viagem cheia de paixão e encantamento.

se você pretende ir passar um tempo na Cidade Luz, existem alguns lugares que você não pdoe deixar de conhecer, o primeiro deles é a conhecida Torre Eiffel.

A Torre Eiffel é, em termos turísticos, o monumento mais visitado do mundo. Não existe alguém que pense em Paris e não faça essa associação imediatamente. Visitar Paris e não tirar uma foto na Torre Eiffel é quase que uma blasfêmia.

A obra existe desde 1889 e trata-se de 325 metros de altura. Essa estrutura metálica é a maior de Paris, possuindo 3 andares. Pela sempre alta demanda da atração, o recomendável é que se compre o ingresso com uma certa antecedência. Para subir, existe a opção de utilizar-se de escadas ou de elevador. Para ter acesso ao elevador, basta entrar na fila e aguardar, enquanto subir pelas escadas, exige a disposição para encarar nada menos que 1.665 degraus. Uma vez que se chega ao topo, é possível apreciar a beleza da cidade, que faz valer a pena todo o esforço.

Outro ponto conhecido em Paris, é o Arco do Triunfo. Esse é mais um passeio que não pode faltar para o turista: apreciar a vista panorâmica da capital, chegando ao topo do Arco. Com sua bonita arquitetura, juntamente com a Torre Eiffel, esse monumento é um cartão postal de Paris. Construído em 1806 pelo conhecido Napoleão Bonaparte, a atração, que é simboliza as vitórias militares do país, fica localizada na Praça Charles de Gaulle, na Champs Élysées. As paredes do Arco, resgatam a história das batalha e, através do túmulo do Soldado Desconhecido, faz-se menção aos não sobreviventes da Primeira Guerra Mundial, desde 1920.

Outro ponto em destaque em Paris, é o conceituadíssimo Museu do Louvre. Como já é de nosso conhecimento, a capital francesa é também a capital da arte na Europa. Não por acaso, já que Paris conta com uma gama de museus. Falando do Louvre, que está em atividade desde 1793, podemos citar que ele abriga a mais conhecida obra de Leonardo Da Vinci, a Monalisa. Estima-se que o museu recebe visitas de 9 milhões de turistas a cada ano. No pátio central do museu, encontra-se uma pirâmide vidro, enquanto o acervo de exposição conta com mais de 380 mil objetos.

Pra quem pensa em passar a lua de mel por lá, Paris também não deixa a desejar. Um passeio muito procurado pelos casais é a navegação no rio Sena. É comum que os enamorados vejam o pôr do sol, em um passeio de barco, nos mais de 700 quilômetros de extensão do rio. Durante a noite, a cidade fica ainda mais encantadora, não por acaso é chamada de Cidade Luz. Você pode optar por fazer esse passeio de dia ou de noite.

Não é a toa que Paris é o destino mais procurado do mundo. A cidade abriga muitíssimas belezas e pontos turísticos imperdíveis.

 

 

CONHEÇA MAIS SOBRE DUDA MELZER, CHAIRMAN DA RBS

O Grupo RBS tem um novo chairman desde 1 de janeiro de 2016. Trata-se de Eduardo Sirotsky Melzer, ou simplesmente Duda Melzer como é conhecido. O executivo faz parte da terceira geração do Grupo RBS, que foi fundado por seu avô Maurício Sirotsky Sobrinho. Para quem não conhece, O Grupo RBS é a principal afiliada da Rede Globo, localizada principalmente nos estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Duda Melzer, é graduado em Administração de Empresas com MBA nos Estados Unidos. Como já era de se esperar, o atual presidente é um empreendedor nato, assim como todos de sua família e antes de ingressar no grupo pertencente a mesma ele atuou em diversas empresas e em 2012 fundou a e.Bricks Digital, que como o próprio nome sugere, atua no setor digital. Além da e.Bricks Digital, também é sócio da e.Bricks Ventures, ambas relacionadas com o setor digital e atuam tanto no Brasil quando nos Estados Unidos.

O ingresso de Duda Melzer no Grupo RBS deu-se em 2004, e após sucessivos cargos ele chegou finalmente em janeiro de 2016 a presidência, na qual ele tem orgulho de estar desde então.

Atualmente além da presidência do Grupo RBS, dono da e.Bricks Digital e sócio do e.Bricks Ventures, o este renomado executivo realiza palestras em fóruns nacionais e internacionais sobre mídias digitais e recursos humanos, áreas nas quais atua e que possui total domínio. De fato, uma de suas principais paixões é a gestão de pessoas, da qual ele sempre buscar se interar e atualizar, ou melhor, na maioria das vezes, ele próprio é quem interage e atualiza o mundo com suas ideais e experiências bem sucedidas.

Longe das responsabilidades de um executivo, o chairman do grupo RBS, assume o papel de pai de família. Ele é casado e pai de três filhos, possíveis sucessores da cadeira. Extremamente responsável e organizado, regularmente viaja com sua família e aproveita para buscar conhecimento e fazer seu networking.

 

E ainda Duda Melzer, consegue tempo para praticar esportes, em especial, corrida, chegando até mesmo a participar de algumas competições. Ele arruma tempo para correr pelo menos diariamente. Sua filosofia de vida baseia-se em equilibrar corpo, mente e espírito para deste modo estar obter o maior rendimento profissional.

 

Não restam dúvidas de que o futuro do grupo RBS está em boas mãos, e que muito ainda irá se ouvir falar deste chairman Duda Melzer, contribuindo para a inovação do setor midiático não só brasileiro como mundial.

 

Yahoo mudará seu nome para Altaba

Quem sempre conheceu uma das principais empresas de notícias na web com o nome de Yahoo, terá que se acostumar com o novo nome Altaba. A mudança se deve ao fato da empresa ser comprada pela operadora norte-americana Verizon, que atua na área de telecomunicações sendo a maior do ramo nos Estados Unidos. Quando essa transação for completada a mudança será composta pela saída da CEO (Chief Executive Officer) Marissa Mayer e também do cofundador da empresa David Filo.

 

Estima-se que a venda do Yahoo girou em torno de 4,8 milhões de dólares. O acordo da venda do Yahoo para a empresa Verizon teria sido assinado em Julho de 2016 muito antes da divulgação de seu novo nome. Com essa recente aquisição quem será nomeado como CEO da Altaba será Eric Brandt, que anteriormente já ocupava um assento no conselho de administração do Yahoo. A diretoria composta por 11 pessoas será reduzida para 5, entre elas estão Tor Braham, Eric Brandt, Catherine Friedman, Thomas McInerney e Jeffrey Smith. Maynard Webb é o atual presidente do conselho e se manterá no cargo com título emérito.

 

A mudança resistiu a algumas incertezas devido às notícias de vazamentos de dados dos usuários do Yahoo, em um dos vazamentos 1 bilhão de usuários tiveram suas informações roubadas, o que constituiu o maior roubo de dados da história da internet. Por esse motivo, especialistas deduziram que mudanças nos termos de acordo da compra poderiam acontecer por parte da empresa Verizon. Os executivos da empresa Verizon disseram que estão investigando como se deu esse grande vazamento de dados.

 

Não houve grandes expectativas no mercado com essa venda na Wall Street onde fica a bolsa de valores de Nova York, a mais importante bolsa de valores do mundo. Na segunda-feira no after-trading no pregão da Nasdaq (mercado de ações americano automatizado) foi registrado uma ligeira alta de 0,36%, na cotação de US$ 41,49 nas ações do Yahoo, por outro lado as ações da Verizon caíram 0,06% na Bolsa de Nova York, cerca de três centavos para US$ 52,65.

 

O novo nome da empresa Yahoo teria suas origens em duas palavras: “alternativa” e “Alibaba” que combinadas originariam Altaba, no entanto, essa especulação não foi confirmada pela empresa. Apesar da mudança de nome da empresa é possível que nos serviços do Yahoo na internet não ocorram modificações e o nome da marca para a plataforma se mantenha em sua ferramenta de pesquisa, em sua página principal assim como em seus blogs.

 

AGU e STF trabalham em busca de soluções à crise dos estados

As equipes técnicas da Advocacia-Geral da União (AGU) se reunirão com o Supremo Tribunal Federal para abordar o tema da crise financeira dos estados e propor soluções possíveis para o problema. Ainda sem data definida, a reunião contará com a presença de Grace Mendonça, Advogada-Geral da União, e da presidente do Supremo Tribunal Federal, Carmen Lúcia, que ainda não confirmou presença.

 

O motivo principal para a realização do encontro é a atual situação de calamidade financeira do estado do Rio de Janeiro. A administração do estado conseguiu, na semana passada, algumas liminares impedindo que o saque de recursos dos cofres do estado fosse feito pela União. Diante da situação, o governo federal teme que a conquista da administração carioca acabe incentivando outros estados a solicitarem decisões similares do STF, de maneira a atender ao mesmo quesito observado no Rio de Janeiro.

 

Também era esperada uma reunião, para quarta-feira, entre Henrique Meirelles, ministro da Fazenda, Carmen Lúcia, Presidente do STF e o governador do estado do Rio, Luiz Fernando Pezão, do PMDB. O ministro da Fazenda e o governador do Rio de Janeiro encontraram-se na manhã desta segunda-feira (9), no gabinete de ministério da Fazenda da capital do estado. Devido aos avanços nas negociações de hoje, o encontro conciliatório no STF entre o estado e a administração federal será certamente descartado.

 

Os técnicos e secretários do Rio estão trabalhando conjuntamente com os Secretários Federais em um plano de recuperação das contas do estado. A previsão é que o plano seja terminado até amanhã, sendo remetido para a aprovação do presidente, Michel Temer, já na quarta-feira. Caso seja efetivamente aprovado pelo chefe do executivo, o plano de recuperação seguirá para o Supremo Tribunal Federal, onde será submetido ao processo de homologação.

 

Ainda falta definir a data da reunião entre o AGU e o STF. Por enquanto, não se sabe se o encontro ocorrerá antes ou depois do envio do plano de recuperação para homologação no Supremo Tribunal Federal.

 

Rio de Janeiro

 

Diante da grave crise financeira que assola o estado do Rio de Janeiro, a ministra do STF Carmen Lúcia determinou, através de duas liminares da semana passada, a suspensão dos saques que seriam realizados pela União aos cofres do estado, que totalizavam 374 milhões de reais. O saque dos valores seria realizado como uma compensação das garantias que haviam sido pagas pelo Governo Federal, depois de o governo carioca não cumprir com o pagamento das dívidas acumuladas.

 

A decisão da ministra Carmen Lúcia, que acolheu os pedidos do governo do estado para a suspensão do saque da União, se deu em virtude do possível não pagamento dos salários dos servidores públicos, caso os valores fossem bloqueados pelo governo federal. No entanto, a ministra destacou que a questão carioca é um caso “excepcional”, e que tentativas semelhantes por parte de outros estados da federação não devem ser consideradas.

 

Para a presidente do Supremo Tribunal Federal, não haverá um efeito cascata de decisões semelhantes a outros estados depois do acolhimento do pedido do Rio de Janeiro.

 

Nizan Guanaes: Um empresário que se renova constantemente

 Nizan Guanaes é um empresário brasileiro, proveniente da Bahia, que é sócio de um dos maiores grupos publicitários do país, o Grupo ABC de comunicação, que foi fundado por ele e por Guga Valente em março de 2002. O Grupo ABC é um conglomerado de dezoito empresas que atuam em diversas áreas, como marketing, conteúdo e entretenimento. Esse grupo é o maior da América Latina e um dos maiores do mundo, segundo lista do Advertising Age.

Nizan Guanaes nasceu em Salvador, em 1958, e se graduou no curso de administração de empresas na Universidade Federal da Bahia. Atuou durante um tempo em sua cidade natal, se mudando posteriormente para o Rio de Janeiro, onde ficou até se mudar para São Paulo em 1985, onde sua carreira começou a deslanchar.

Nizan Guanaes é um publicitário renomado, com muitas indicações de prêmios e citações em rankings relacionados ao mundo dos negócios, um exemplo é seu apontamento como uma das cem pessoas mais criativas do mundo, feito pela Fast Company, no ano de 2011. Ele recebeu em 1988, o prêmio Leão de Ouro do Festival de Cannes pelo comercial Hitler, idealizado por ele.

Abdicar de algumas coisas, e fazer outras que não se tem vontade de fazer, é o segredo para se alcançar os objetivos na vida, segundo o publicitário. Para ele, se uma pessoa quer vencer no mundo dos negócios, ela não pode simplesmente achar que atingirá o sucesso sem nenhum tipo de sacrifício, pois a abdicação de certos prazeres é inevitável para quem quer conquistar o sucesso.

O empresário se viu obrigado em 2008, a utilizar esse mesmo conceito em sua vida, já que ele pesava quase 200 quilos naquela época, e precisou realizar uma cirurgia de redução de estômago, ato esse que ele viu ser essencial para melhorar sua qualidade de vida. Depois da cirurgia, ele perdeu 54 quilos.

O publicitário considera ainda que além de se fazer concessões deixando alguns prazeres de lado, é imprescindível para se vencer na vida que a pessoa coloque de lado qualquer tipo de prepotência ou pretensão, pois assim ela estará sempre fechada para aprendizados, sem nenhuma chance de crescimento pessoal.

Crescimento esse que o empresário julga essencial para a vida nos negócios, porque afinal ninguém sabe tudo, e quando você se abre para novas ideias e pensamentos, estará sempre se renovando e se reciclando. Quando alguém admite que não sabe tudo, e passa a ouvir mais o que o outro tem a dizer, ele ganhará de diversas formas, tanto pessoais quanto profissionais.

Para Nizan Guanaes, desconstruir ideias antigas e reformulá-las é o caminho para se manter sempre no auge, sem nunca ficar obsoleto, e para isso ele afirma ser de muito ajuda o intercâmbio que estabelece com os jovens, sentando com eles, conversando e trocando experiências.

Nizan Guanaes entende como primordial não ficar vivendo no passado, e aceitar as mudanças ocorridas no mundo, principalmente no mundo dos negócios, que foi muito alterado com a internet e as novas mídias digitais, sendo que os jovens hoje em dia quase não assistem televisão, em contraponto do Youtube que cresce cada dia mais.

 

 

 

 

O que ninguém te fala sobre protetor solar

O verão chegou e com ele férias, praia e muito sol, mas como proteger-se do sol e aproveitar essa estação de maior exposição solar sem deixar os cuidados com a pele de lado.

 

Não é novidade que o planeta terra esta pedindo socorro, visto que, a população aumenta e utiliza recursos naturais finitos como se fossem infinitos, os malefícios são inúmeros e um dos mais perigosos é estrago na camada de ozônio, essa camada é responsável por proteger a terra é como se fosse um escudo contra a radiação emanada pelo sol, segundo o link: www.suapesquisa.com/ecologiasaude/buraco_camada_ozonio.htm, explica.

 

Como a camada de ozônio foi prejudicada e com isso apresenta vários buracos, os raios ultravioletas passam com mais facilidade. Esses raios, chamados popularmente de UV penetram na pele causam diversas reações tais como as queimaduras solares e fotoalergias que são as alergias originadas pela luz solar de grande intensidade.

 

Antigamente as pessoas iam à praia sem protetor solar e tinham as peles saudáveis, algo praticamente impossível nos dias de hoje, além de banhar-se ao sol nos horários aconselhados por dermatologistas é obrigatório o uso do filtro solar.

 

Filtro solar, são tantas as opções e preços que fica difícil escolher, os fabricantes inovam com novos componentes, que prometem uma pele protegida com envelhecimento retardado, com ingredientes que não causam espinhas, livre de óleo, com cor, ou seja, funciona como uma base de maquiagem, mas o que ninguém te fala e que não esta explicito nas embalagens á a exata diferença dos protetores e não delineio as diferenças acima citadas, são as que seguem nos próximos parágrafos.

 

A diferença que ninguém te fala é se o protetor é físico ou químico, ou seja, essa é principal é mais relevante diferença entre eles. Os protetores físicos tem em sua composição elementos naturais como óxido de zinco e/ou dióxido de titânio, esta tipo de protetor além de ser natural irá fazer com o raios emitidos pelo sol reflita em contato com sua pele como descreve o link: www.modefica.com.br/protetor-solar-fisico-ou-protetor-solar-quimico-entenda-a-difere…, ou melhor o raio não ira penetrar em sua pele, este protetor fará uma barreira.

 

No entanto os protetores químicos há uma concentração de moléculas responsáveis por transformar a radiação ultravioleta quem tem alta energia em radiação de energia baixa, evitando que sua pele absorva, entretanto, tem que ser reaplicado com frequência.

 

O custo benéfico entre os protetores físicos e químicos, fica mediante analise do consumidor, pois, embora os protetores físicos apresentam custos mais elevados, eles protegem mais a pele e não precisam ser reaplicados com tanta frequência, são mais resistentes a água e suor e indicados para alérgicos. No link http://oglobo.globo.com/ela/verao/saiba-diferenca-entre-filtros-solares-fisicos-quimicos-16953210, você irá encontrar mais exemplos sobre os protetores solares físico e químico, como encontrar na embalagem diferença e algumas marcas.

 

Para saber qual o melhor filtro solar para seu tipo de pele e suas necessidades procure um dermatologista.